O Músico Cego – Vladimir Korolenko

Sempre achei que os escritores russos do séc. XIX amargos, tristes. A narrativa de Korolenko é, por vezes, sombria. A história é de uma sensibilidade atroz, onde o leitor é guiado pelos sentidos de Pedro, o músico cego, desde que nasce até um momento muito especial na vida de Pedro.

O Músico Cego não é de leitura fácil e ajuda ter um lenço de papel à mão e um cd de música clássica russa a tocar ao fundo. Boas leituras!

Advertisements
%d bloggers like this: