O meu marido não me ajuda em casa

Entre o Dia da Mulher e o Dia do Pai, queria aqui afirmar publicamente que o meu marido não me ajuda em casa. No dia 8 de março não aconteceu nenhum movimento extraordinário de ajuda em relação aos outros dias… E eu acho que ele dá um excelente exemplo aos filhos. Não ajudar em casa é o melhor que ele pode fazer por todos.  mh

Numa época em que falamos de igualdade vamos falar de igualdade em casa. O meu marido ficou triste, uma vez, quando eu disse que ele ajudava muito em casa. Na verdade, eu errei pois ele não ajuda em casa, ele partilha as tarefas. Desde que casámos que as tarefas são partilhadas de acordo com o que cada um sabe fazer melhor e que mais gosta de fazer.

Ambos sabemos fazer tudo e fazemos quando necessário! Eu cozinho, ele limpa. Eu passo a ferro as peças pequenas e ele as calças de ganga grandes. Ele aspira e eu organizo o resto da limpeza. Mas, se necessário trocamos, mudamos e fazemos. Neste momento, cada filho também tem as suas tarefas a realizar, de acordo com a idade e as suas capacidades. Podem até ser coisas simples como colocar os talheres ou arrumar os panos do chão mas (apesar do “agora não, mãe”) tudo vai sendo feito aos bocadinhos!

Primeiro, porque quero que os meus filhos saibam fazer tudo sozinhos quando crescerem. Segundo, porque quero que as namoradas deles tenham a vida facilitada. Terceiro, porque quero que os filhos deles percebam que dividir tarefas domésticas é absolutamente normal no século XXI e que não são nenhum tipo de bicho raro

Sempre fizemos tudo em conjunto e, devo dizer, que é tudo muito mais fácil e temos mais tempo para namorar depois!

mh3.jpg

Gostaram da publicação? Façam like no facebook do blog! A família agradece 🙂

9 comments

  1. Quero educar o meu filho da forma como eu fui educada (por ser rapariga): a saber fazer tudo em casa.

    A minha geração ainda foi educada com esse preconceito (ainda que dissimulado) mas quero, de vez, acabar com ele na minha família!

    Liked by 1 person

    1. Tenho a sorte de ter uma mãe e uma sogra que sempre promoveram a igualdade em casa 😉

      Liked by 1 person

  2. Daniela · · Reply

    Não entendo como é que em pleno século XXI ainda existe esse preconceito. Mas o facto, infelizmente, é que ele ainda está presente sim e muito!
    É completamente ridículo (e tira-me do sério) ouvir argumentos do género:
    – Mas não foi sempre assim?
    – Não vês nos filmes que é SEMPRE a mulher que cozinha?
    – Já alguma vez viste um homem a trabalhar como doméstico?
    – Tens de concordar que as mulheres são mais capacitadas para as tarefas domésticas.
    – Vês mulheres nas obras a carregar baldes? É trabalho de homens! As tarefas domésticas são de mulheres!
    Ou seja, as mulheres tem de trabalhar dentro e fora de casa e ainda tem de levar com a comunicação social a informar que no geral elas ganham menos que os homens a desempenhar as mesmas funções nas mesmas fábricas!
    Isto cabe na cabeça de alguém???

    Liked by 1 person

    1. Infelizmente é verdade… Temos de começar com os mais novos para eles perceberem que ficam mais sexys quando ajudam em casa e que nada irá encolher se pegarem num aspirador 😀 😀 😀

      Like

  3. […] falemos com as mães! Os pais servem para mais coisas que jogar futebol. Quando o meu marido leu a publicação  sobre ele na semana passada, referiu algo muito interessante: os pais têm de poder ser […]

    Like

  4. Que texto maravilhoso! Vivemos como as mesmas questões aqui no Brasil e acho que em grande parte do mundo, não é mesmo? Aqui, vejo muitas mulheres falando que os maridos “ajudam” em casa, quando na verdade, deveriam ter o mesmo pensamento descrito aqui no texto. O homem não ajuda, ele e a mulher dividem as tarefas.

    O grande problema é que até hoje muitos pais continuam criando os filhos com esse pensamento. Acredita que esses dias eu ouvi de um amigo que o filho dele não pode nem mesmo segurar a boneca da irmã, porque ele precisa saber o que é brinquedo de menino e o que é de menina? Falei para ele que se ele ensinasse o filho desde cedo a dar mamadeira para a boneca, trocar fralda e carregar no colo, que estaria ensinando o filho a ser um bom pai no futuro. Mas as pessoas parecem não querer entender isso.

    Não sei se acompanharam por aí, mas aqui no Brasil, no dia internacional da mulher, o atual presidente (golpista) teve a infelicidade de dizer:

    “Na economia, também a mulher tem grande participação. Ninguém é mais capaz de indicar os desajustes de preço no supermercado do que a mulher. Ninguém é capaz de melhor detectar as flutuações econômicas do que a mulher, pelo orçamento doméstico”,

    “Hoje, graças a Deus, as mulheres têm possibilidade de empregabilidade que não tinham no ano passado. Com a queda da inflação, dos juros, significa que também, além de cuidar dos afazeres domésticos, terá um caminho cada vez mais longo para o emprego”

    “Tenho convicção do quanto a mulher, pela minha criação, pela Marcela, faz pela casa, pelo lar, pelos filhos. Se a sociedade vai bem, se os filhos crescem, é porque tiveram adequada formação em suas casas e, seguramente, quem faz isso não é o homem, é a mulher”

    Dá para acreditar nesse discurso??? E no dia da mulher!! Pensei estar em um passado bem passado. Uma triste realidade…

    Enfim… Adorei o seu blog, seus textos… estou lendo outros por aqui e quero voltar diariamente para ver o que tem de novo. Já salvei nos favoritos.

    Beijos

    Fernanda
    http://www.fernandabelem.com.br

    Liked by 1 person

    1. Muito obrigada por suas palavras. É, sem dúvida, um grande problema porque se não formos mudando a mente dos mais jovens vamos perpetuar esta ideia que uma mulher tem que ser uma super-mulher sozinha em vez de poder ser um super casal com tempo para tudo… Espero que as coisas vão mudando, acho que já mudaram um bocadinho mas espero que mudem mais!

      Like

  5. Daniela · · Reply

    Infelizmente é assim Fernanda!
    Passam anos e anos e a maioria dos homens continuam com este pensamento pequenino.
    As mulheres tem emprego mas depois ainda têm de vir para casa fazer as lidas domésticas!
    Começo a achar que o sexo masculino não evolui mesmo!

    Liked by 1 person

    1. Tem que evoluir. Lembro-me de uma greve num país qualquer há uns anos em que as mulheres se recusaram a “cumprir as tarefas maritais” se os maridos não ajudassem!

      Like

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: