Viver em Portugal (VIP) – Cultura Livre 2.2 LX

Maravilhoso mundo novo: a cultura de portas abertas. Não pesquises, imprimas, nem expliques nada aos mais novos (nem aos mais velhos). Leva os filhos, sobrinhos ou afilhados e apresenta-os aos locais e atividades. Deixa ser eles a descobrir e interpretá-la.

FNAC. Apresentações, exposições e lançamentos, música ao vivo, livros,exposições, documentários, debates, ciclos temáticos, por cá entre

Chiado «Tylko – fotografias de Pedro Jafuno (17/02/2017 – 10/04/2017)

Columbo «Varanasi – Fotografias de Tiago Figueiredo (04/01/2017 – 04/04/2017)

Almada «EVOA, descubra o lado selvagem do Estuário do Tejo – Fotografias de Jacques van Wijlick (10/01/2017 – 10/04/2017), 

CascaiShopping «António Jorge Gonçalves – Viagem ao imaginário de “eu quero a minha cabeça!” e “barriga da baleia” (05/01/2017 – 05/04/2017)»

Palácio Foz, com cinema, exposições, ateliês, visitas guiadas e finais de tarde musicais, como os Recital de Piano de Duarte Martins Pereira (4 de abril, 18h),Recital de Piano e Violino com Dryads Duo (10 de abril, 18h); e o Concerto com Trio Gilberta Paiva da Orquestra Sinfónica Juvenil (17 de abril, 18h).

IMG_20170121_164942

Galerias Romanas. Abertas ao público apenas duas vezes por ano, visitar de 6 a 8 abril (das 10h às 19h) as Galerias Romanas de Lisboa são uma das raras ocasiões para visitar este esplêndido e curioso espaço datado do início do século I. Visitas sujeitas a inscrição prévia.

 São Luiz Teatro Municipal Debate no dia 10 de maio a respeito das migrações “Passado e presente – lisboa, capital ibero-americana de cultura 2017”. Com Maria Margarida Marques (Portugal), Juan-Pedro Fabra Guemberena (Uruguai), Carlos Gómez Florentín (Paraguai) e Berta Palou (Espanha) e a colaboração de Martin Craciun (Uruguai). Entrada livre. Sujeita à lotação da sala.

São Luiz Teatro Municipal. Festival Escola Superior de Música no dia 27 de maio a partir das 15h na sala Luís Miguel Cintra e Jardim de Inverno com solistas e grupos de música de câmara; e um repertório desde a Música Antiga, Música Clássica, Jazz à Música Contemporânea. Entrada livre. Sujeita à lotação da sala.

Teatro Nacional D. Maria II Música pobre (1 e 2 de abril, 19h) apresentações públicas do projeto de formação dirigida pelas coreógrafas Vera Mantero e Filipa Francisco, pelo artista plástico e sonoro Pedro Tudela, pelos antropólogos Paulo Raposo e Filipe Reis e pelo engenheiro acústico José Luís Bento Coelho. Salão Nobre | Entrada Livre.

 Museu do Oriente Concerto de Orquestras de jovens. Inédito concerto que junta duas orquestras de cordas de jovens de duas escolas de ensino artístico de música sediadas em Lisboa: a Academia Musical dos Amigos das Crianças e o Instituto Gregoriano de Lisboa para apresentarem Tchaikovsky, Bach, Haendel, Vivaldi, entre outros. 2 abril | 17h | Entrada livre. [mediante levantamento de bilhete no próprio dia].

 Museu do Oriente Mozart, Schumann e Bruch interpretados pelos solistas Nuno Silva (clarinete), Joana Cipriano (viola), Anna Tomasik (piano). 4 abril |17h | Entrada livre. [mediante levantamento de bilhete no próprio dia].

Basílica do Palácio Nacional de Mafra Concerto a seis órgãos com a participação do Coro da Academia de Música de Santa Cecília. (2 de abril, 16h) Entrada livre.

Advertisements
%d bloggers like this: