Escolas mais sustentáveis e Confortáveis

Escolas mais sustentáveis e Confortáveis

Não há orçamentos para melhorar escolas mas há direcções que fazem a diferença. Tornar as escolas mais sustentáveis e mais confortáveis não precisa de muito. Precisam apenas de começar.

Para isso basta, professores e funcionários disponíveis, incómodos pneus usados, móveis de cozinha desmanchados, sofás de cabedal encostados … Isto é uma excelente oportunidade de procurar o tico tico, um agrafador manual, um berbequim e de dar novo uso às trinchas encostadas há algum tempo.

Quando surgiu a necessidade de dinamizar um espaço de lazer, espaço esse sem qualquer comodidade e monocromático, foi somente necessário alguma troca de ideias, consulta de projetos semelhantes até se chegar a um plano.

Passos Necessários:

  • juntar o número suficiente de pneus para o projecto (podemos agradecerà empresa de recauchutagem local);
  • lavar vigorosamente os pneus;
  • investir em quatro latas de cor;
  • pintar os pneus (de forma faseada e repetida);
  • furar e aparafusar os pneus;
  • medir, cortar, estofar e aparafusar os “tampos dos pneus” e o cabedal “encontrado”.

Et voilà, nasceram uns puffs personalizados e muito confortáveis, para começar. Mas há imensas ideias, até para escolas com meninos e meninas mais pequenas, com vontade de brincar, como esta. Paredes, chão, jogos tradicionais/de recreio e outros móveis encontram-se entre as próximas possibilidades.

Já tínhamos falado sobre recreios mais divertidos nesta publicação… Há tantos restos de tinta, que podem ser cedidos pelos pais. Com a ajuda de alguns pais, fazem-se coisas incríveis, pelos nossos filhos, para os filhos de todos. Tudo para tornar as escolas mais sustentáveis e confortáveis.

Este texto foi escrito a meias com o meu marido, um dos pais do projeto apresentado. Quando me mostrou o resultado do trabalho, pedi que partilhasse connosco. Quem sabe se outros não gostariam de fazer o mesmo? Bom trabalho!

Leave a Reply