Waste4coffee

Waste4coffee – Na Senda da Sustentabilidade

Esta semana, li um artigo sobre o Waste4coffee. Fiquei entusiasmada por uma jovem ter conseguido implementar uma ideia fabulosa como esta em Portugal.

A Joana Pereira da Costa começou aos poucos e conseguiu que se fossem mudando comportamentos na praia. Uma ideia simples que, com a ajuda de parceiros preocupados, oferece cafés em troca de lixo.

Podem saber mais sobre esta iniciativa na notícia do Público e da Magg. Vão até ao site e vejam como podem participar e ajudar. E, claro, não se esqueçam de seguir o instagram!


A Iniciativa

Waste4coffee

O waste4coffee é uma organização, que teve início em Abril de 2019, cujos objetivos principais são a consciencialização da população e a limpeza de praias.

A ideia para a criação de tal movimento surgiu-me durante uma viagem à República Dominicana. Ao tentar fugir das rotinas de resorts, fui a uma praia aberta a locais e, quando lá cheguei, deparei-me com uma verdade assustadora – a praia estava coberta de lixo. Assim, peguei em tudo o que tinha comigo – toalhas, sacos, mochilas – e comecei a apanhar o lixo do chão. Ao acabar a limpeza e voltar para o meu toldo fui abordada pelo dono de um dos bares de praia. Este congratulou-me pela minha iniciativa e ofereceu-me um sumo natural em troca dela. Assim, de um momento para o outro, tive a ideia de criar o waste4coffee, de trazer tal acontecimento para Portugal e adaptá-lo ao nosso País. 

A nossa filosofia baseia-se no seguinte: um balde de lixo = um café grátis. Em todos os restaurantes aderentes ao nosso projeto, sendo estes identificados com o nosso autocolante, os consumidores podem pedir um balde do waste4coffee, a um membro da staff. De seguida, vão à praia encher o balde com lixo e, ao devolverem-no cheio, são retribuídos com um café doado pelo estabelecimento de restauração.

Cada restaurante aderente fica com o “kit do waste4coffee”, constituído por 1 ou 2 baldes, 2 pinças (para apanhar o lixo) e 1 autocolante. Os nossos baldes estão divididos em duas secções: o compartimento para as beatas e o compartimento para o resto do lixo encontrado.

Inicialmente, a organização visava focar-se somente nas praias da linha de Cascais. No entanto, em 2 meses esta teve uma adesão tão grande tanto pelos cidadãos como pelos estabelecimentos de restauração, que nos expandimos a um nível nacional. Atualmente, o waste4coffee conta com 25 restaurantes nos distritos de Setúbal, Lisboa, Aveiro e Porto, com mais de 70 voluntários e 13 embaixadores. Tivemos também ampla divulgação do Observador, do Público, da Cidade FM, da RFM e das palestras dadas em escolas (Colégio Marista de Carcavelos e Escola 31 de Janeiro).

Agora, a longo prazo, esperamos que a nossa organização continue a crescer, que mais e mais baldes se encham com lixo da praia, e que juntos tornemos o nosso País mais amigo do ambiente.


Como participar Na Senda da Sustentabilidade

Se quiserem participar na rubrica Na Senda da Sustentabilidade , enviem um email para info @ odiadaliberdade . blog (sem espaços). São sempre bem-vindos! Espreitem outros textos da Rubrica. Sigam-nos no facebook e no instagram!

Se gostou, partilhe!

Leave a Reply