Culture and Sustainability Symposium

Symposium

O ano passado tive o privilégio de estar envolvida na organização do Culture and Sustainability Symposium, no Lisboa Incomum, e aprendi muito. Este ano, estarei presente como ouvinte e, com certeza, aprenderei muito. Convido todos a participarem. A entrada é gratuita. Podem ir vendo as novidades no facebook e no site.


Culture and Sustainability Symposium • 2019 • Lisboa Incomum

16 e 17 Nov 2019

É do conhecimento geral que uma mudança cultural e social deverá acontecer de forma a garantir a sustentabilidade do nosso planeta. Mas como podem as instituições artísticas e culturais ser um factor chave nessa mudança?

A 3ª edição do simpósio “Cultura e Sustentabilidade” pretende aumentar a discussão e a consciencialização sobre estes temas, questionando os valores e hábitos da sociedade ocidental através da arte e da ação cultural. Através de uma abordagem científica e artística, uma comunidade de cientistas, artistas, activistas e empreendedores promoverá um debate de conceitos de cultura e as suas relações com a arte, ecologia, meio ambiente, mobilidade, paisagem sonora, sustentabilidade, entre outros tópicos.

Citando Jon Hawkes (2001):

“It is through cultural action that we:
— make sense of our existence and the environment we inhabit;
— find common expressions of our values and needs;
— meet the challenges presented by our continued stewardship of the planet.
Without culture, we are, quite literally, not human.

Culture has three aspects.
It encompasses:
— our values and aspirations;
— the processes and mediums through which we develop, receive and transmit these values and aspirations;
— the tangible and intangible manifestations of these values and aspirations in the real world.”

Os quatro temas do simpósio são:
· Incorporação da sustentabilidade e consciência social na educação [artística]
· O impacto das mudanças ambientais na paisagem sonora
· O papel da arte no desenvolvimento de um futuro sustentável
· Integração da sustentabilidade numa organização [artística]

O programa do evento contará com conferências, mesas redondas e momentos musicais.

Bibliografia:
Hawkes, Jon. (2001). The fourth pillar of sustainability: Culture’s essential role in public planning. Melbourne, Vic: Cultural Development Network.

A entrada é gratuita, mas requer um registo [nome e e-mail] no momento da chegada.

PROGRAMA

16.11

Concert #1 | 15:00-16:00
Acousmatic Music

Programa:
Cândido Lima – CHANTIER – melodias em pedra*
Panayiotis Kokoras – Sound Forest
Ângela Lopes – Reciclo-Recirculos – em forma de sanza*
Annette Vande Gorne – Déluges et autres péripéties

*Estreias absolutas. Encomendas do Festival DME – Dias de Música Electroacústica.

Conference #1 | 16:15-17:15
Cândido Lima
Ângela Lopes

Conference #2 | 17:30-18:30
Ieva Petkutė – “Susitikime muziejuje”: Museum Programming for People Living with Dementia, their Carers and Family Members in Lithuania
Marco Bidin – Recycling musical material as a creative composition process
Astrid Rieder – trans-Art

Workshop #1 | 19:00-20:00
Astrid Rieder – trans-Art
Com a participação de Ernesto Rodrigues (violeta) e Carlos Santos (electrónica).

17.11

Conference #3 | 15:00-16:00
Joel Preto Paulo – Immersive soundscape as a form to influence tourism
Helena Vasques de Carvalho – The Performing Arts – challenges and sustainability in the creative economy
Rui M. Borges dos Santos – Illuminating the marine soundscape: the sound of phytoplankton photosynthesis

Concert #2 | 16:15-17:15
Laboratório de Música Mista José Luís Ferreira da Escola Superior de Música de Lisboa

Programa:
Improvisação I (saxofone, objetos e eletrónica processada em tempo real)
“Ñamandu” – Joshua Keeling (para saxofone alto e eletrónica processada em tempo real)
Improvisação II (voz, sonograma e eletrónica processada em tempo real)
“Cruor” – André Simões (estreia da nova versão para saxofone)

Com:
Eduardo Marques
Ricardo Almeida
Marta Domingues
André Simões
Gualter Silva
Joana Sá
Jorge Rosário (produção)

Conference #4 | 17:30-18:30
Carlos Marecos – A Casa do Cravo
Pedro Félix – A noção de sustentabilidade na teoria dos arquivos. Ponto da situação, problemas, futuros
Ântonio Ângelo Vasconcelos – A Educação Artística em tempos incertos: por uma ecologia de ação e de formação
Pedro Moreira – Resiliência e Sustentabilidade: uma reflexão etnomusicológica a partir do estudo de caso do Grupo Folclórico Dr. Gonçalo Sampaio

Recital comentado – 19:00-20:00
Ana Telles & João Rabaça

Programa
Carlos Marecos – A Casa do Cravo*
outras obras a anunciar
*Estreias absoluta. Encomendas do Festival DME – Dias de Música Electroacústica.


O ano passado falámos disto nesta publicação.

Qual a vossa opinião?

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
%d bloggers like this: