E se passarem a noite no aeroporto?

noite no aeroporto

Quando se viaja sozinho, passar a noite no aeroporto é um sacrifício. Eu já o fiz para comprar viagens mais baratas ou para aproveitar os voos da madrugada. Com filhos, não é um sacrifício. É um suplício! E quando acontece, por causas alheias, sem esperarmos, ainda piora a situação.

Compensação

Aconteceu-nos isso duas vezes. Uma em Barcelona, em que graças aos atrasos em Portugal, perdemos o voo de ligação. Outra em Paris e, já estava tão cansada nesse dia que já nem me recordo da razão. Só sei que ficámos uma noite a mais, com trabalho no dia seguinte, retidos depois de uma bela escapadela a Paris e à Disneyland Paris.

Naquela altura, com os 3 filhos mais novinhos e cansados, gostaria de saber o que sei hoje. Agora, há hipótese de ser receber uma indemnização que pode chegar aos 600€ por voo, por causa de atrasos (mais de 3 horas) ou voos cancelados.

É algo relativamente simples. Só precisam de preencher um formulário online e a Compensair trata do resto. Toda a burocracia, a papelada e a perda de tempo está tratada. A Compensair receberá 25% da indemnização e não cobra nada em caso de não haver indemnização. 75% é bem melhor do que dormir no aeroporto sem nada receber!

Como podemos ter direito a indemnização?

Quem me dera ter sabido disto e saber onde tenho a papelada relativo ao voo a Paris. Podemos fazer uma reclamação até seis anos após o cancelamento ou atraso. Só é necessário que o voo seja na UE, com um atraso com mais de três horas. Desde que saia de um país da União Europeia ou que regresse a um país da União Europeia, utilizando uma companhia aérea europeia, poderão ter direito a serem ressarcidos.

Podem ver mais informações no site. E, caso tenham passado uma noite no aeroporto, sem assim o terem planeado, podem calcular aqui se o valor da vossa compensação.

02 comments on “E se passarem a noite no aeroporto?

Qual a vossa opinião?

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE
%d bloggers like this: