Gosto de… Aprender

Gosto de... Aprender algo de novo todos os dias. Pode ser uma receita nova, uma palavra ou uma língua. Tocar uma nova música ou resolver um problema... Gosto de exercitar as minhas células cinzentas

Gosto de… Aprender algo de novo todos os dias. Pode ser uma receita nova, uma palavra ou uma língua. Tocar uma nova música ou resolver um problema… Gosto de exercitar as minhas células cinzentas.

Gosto de ler e de beber palavras que desconheço. Gosto de jogar em aplicações que puxem pela cabeça como o Duolingo ou o Quizzplanet. Gosto de inventar ou adaptar receitas novas (sou péssima a seguir instruções de livros de culinária). Gosto de tentar aprender a costurar, bordar e outras coisas acabadas em ar que se façam com as minhas duas mãos esquerdas.

Tudo o que é manual tem que ter a dificuldade adaptada a uma criança de 5 anos e, mesmo assim, há o perigo de ficar melhor se forem os meus filhos a fazer. Não deixo, no entanto, de tentar fazer…

Há uns anos, dei aulas de inglês numa Academia Sénior. Foram os melhores alunos de sempre. Para além de ter uma turma pequena, o que é raro hoje em dia, estavam mesmo interessados em aprender. E eu aprendia muito com eles. Uma das aprendizagens mais importantes foi que aprender não tem idade nem limite.

No dia em que deixar de sorrir e de querer aprender algo novo, é sinal que algo está muito mal. Felizmente, hoje em dia, com os computadores e a internet, aprender é muito fácil (o que falta é tempo, mas isso fica para outro dia). Quem quiser aprofundar conhecimentos universitários, em várias áreas, mesmo sem ter um curso superior, pode fazê-lo em Yale, MIT ou Coursera. Podem pesquisar no MOOC.

E depois há uma panóplia de apps que podem procurar no google play, consoante os gostos e as necessidades. Vídeos, podcasts, blogs, há formas de aprender coisas novas para todos os gostos e feitios. Até para crianças, como já tínhamos referido numa publicação anteriormente: SOS – Apps para famílias – ACMA

Parafraseando livremente Hercule Poirot, há que manter as célulazinhas cinzentas felizes!

Qual a vossa opinião?

%d bloggers like this: